logo fm91 logo 1500am whats-radio9

Horta medicinal é destaque em Santana

DSC06111

Na tarde de terça-feira, dia 29 de setembro, a equipe do ABCNotícias pegou o rumo do distrito de Santana para conhecer a horta medicinal de Clair Blanck, idealizadora do projeto.

Clair contou que iniciou a horta em agosto de 2006 por incentivo de Loiva Gauer, que na época era Secretária da Saúde do município, quando um grupo de Agentes Comunitários da Saúde fizeram uma visita a Nova Petrópolis para aprender a lidar com plantas medicinais, na volta, começou a sua horta perto de casa, mas ficou complicado cuidar porque era  em um local mais aberto, com circulação de animais que destruíam as mudas, depois passou a horta para a antiga escola, onde tem também uma sala para trabalhar com as plantas. Ela contou que o apoio da Emater foi muito importante, tanto que a máquina de secar os chás que tem, foi cedida pela Emater através da extencionista Odete Finck.

“A horta foi criada com o auxílio de pessoas da comunidade, hoje ainda pessoas de Santana me ajudam e os agentes que pertencem a área do ESF também. Uma vez por mês nós agentes, nos reunimos aqui para trocar experiências. Muitas pessoas não conhecem a horta e outras tantas já fazem o uso dela. As plantas são distribuídas gratuitamente para a população, sempre tem alguém para receber e explicar sobre as plantas, e quando não sabemos alguma coisa, vamos atrás para descobrir. Quem me ajuda muito é a Isolde Caeram, que cuida do Correio e está sempre aqui auxiliando na recepção das pessoas e na embalagem dos chás nas horas de folga”, disse Clair.

Hoje a horta conta 87 plantas medicinais, que auxiliam no alívio das mais diversas enfermidades como:

Boldo – para o estômago;

Folha de Goiaba – para afecções da garganta;

Hortelã – relaxante e para bronquite;

Manjerona (tempero) – digestivo;

Guaco – para tosse e gripe;

Mil folhas – para falta de apetite, perturbações digestivas, febre, inflamação e cólicas;

Marcela do campo – para má digestão e cólicas intestinais, pode ser utilizado como sedativo leve e antiinflamatório;

Babosa (aplicação da baba) – cicatrizante, hidratante e regenerativa da pele;

Bardana – Oral: para distúrbios digestivos e como antiinflamatório nas dores articulares ou Tópico: para irritação da pele, como antiséptico e antiinflamatório;

Funcho – antiflatulenta, para cólica e afecções das vias urinárias.

Receita de Bala de Guaco:

Ingredientes: Açúcar, folhas de guaco, água e limão.

Modo de preparo: Fazer um chá forte com as folhas de guaco e água. Acrescente o açúcar e limão ao chá e deixar ferver, sem mexer até dar ponto de bala. Colocar numa travessa engordurada para amornar. Fazer as balas.

Quando a equipe chegou para conhecer a horta, quem auxiliava Clair na embalagem dos chás era Aliane Dremer, que sempre que pode dá seu apoio. Quem quiser conhecer é só ir até a antiga escola de Santana que será bem recebido.

Veja Fotos: 

DSC06100
DSC06109
DSC06102
DSC06111
DSC06121
DSC06110
DSC06107
DSC06129
DSC06104
DSC06103
DSC06128
DSC06130
DSC06127
DSC06126
DSC06125
DSC06124
DSC06123
DSC06122
DSC06117
DSC06120
DSC06119
DSC06118
DSC06116
DSC06115
DSC06114
DSC06113
DSC06108
DSC06106
DSC06105
DSC06131