logo fm91 logo 1500am whats-radio9

Organização das cidades gaúchas tem chamado atenção dos cavaleiros do planalto na condução da Chama Crioula

passo fundo 19-08-2016

Desde que foi acessa no dia 12 de agosto, a Chama Crioula segue sendo partilhada pelas cidades gaúchas até alcançar os 497 municípios do Rio Grande do Sul. 

Responsável por trazer a chama até Passo Fundo, o Grupo Tradicionalista Cavaleiros do Planalto Médio se encaminha para o sexto dia de viagem. Um dos grandes responsáveis pela condução, o tradicionalista José de Almeida, o Juquinha destacou que ontem (18) 41,4 km foram percorridos, um dos trechos mais longos da cavalgada.

Ainda ontem, os cavaleiros pernoitaram na cidade gaúcha de Putinga, próximo a Nova Alvorada. O próximo destino será Arvorezinha, onde os cavaleiros partirão às 8h da manhã, percorrendo mais 17,2 km.

Ele destacou que as condições climáticas favoráveis têm ajudado no andamento da cavalgada. Juca disse na oportunidade que tem chamado atenção nesses dias de estrada, a organização das cidades gaúchas, por onde a chama tem passado.

Segundo ele, a maioria das cidades tem a economia voltada para a agricultura e pecuária leiteira. Disse ainda que os municípios apesar de pequenos são bem cuidados e limpos.

Por Divulgação/Facebook/Cavaleiros Do Planalto Médio