logo fm91 logo 1500am whats-radio9

BARRA FUNDA - Expresso Literário

 

O Expresso Literário aconteceu de quarta-feira, 16 de agosto, até sábado, 19 de agosto e teve como tema desta edição a importância da leitura na construção do imaginário infantil.

Barra Funda se transformou na capital da arte e da cultura, a chama representou o compromisso com um olhar mais apurado para o ser humano, de modo que a arte e a cultura têm o poder de transformar a vida das pessoas e consequentemente a nossa sociedade em um lugar melhor para se viver.

O espetáculo em sua 7ª dição, contou com aproximadamente 15 mil espectadores nas suas 10 sessões.

Informações: Prefeitura de Barra Funda

A equipe do ABCNotícias conversou com o professor Juliano de Oliveira e com o aluno e artista João Strack que comentaram um pouco dobre este grande espetáculo.

De acordo com o professor Juliano este projeto se tornou algo muito maior do que um espetáculo. Se transformou em um momento de união da comunidade onde todos trabalham juntos, independentemente de partido político ou religião. É um momento onde todos somam esforços por um único objetivo: A felicidade das crianças e adolescentes do grupo artístico. Todos os voluntários e funcionários trabalham intensamente com muito amor e carinho estampado nos olhos. E isso é emocionante.

“Eu me sinto honrado em fazer parte de uma grande equipe que trabalha como uma família. Ver a alegria e as lágrimas de emoção no rosto dos nossos alunos é algo incrível. A sensação é de dever cumprido pois o espetáculo é a culminância de um projeto que realizamos o ano inteiro na sede do Cras, com várias oficinas artísticas, entre outras, que ajudam no crescimento dessas crianças e adolescentes, complementou Juliano.

Falamos também com o aluno João Vitor Strack, que tem 11 anos e está no 6°. João representou o personagem de um pirata no Expresso Literário e comentou que sentiu-se muito feliz ao entrar no palco e ver todo o público presente assistindo ao espetáculo.

“Para nós aqui a cultura é importante porque tira as crianças das drogas e lá a gente aprende diversas atividades, também a ter disciplina, fazer novas amizades,  aprender a dançar e muito mais, tudo isso aprendemos com o professor Juliano e a profe Mara, comentou o aluno.                       

De acordo com João, a equipe estava ensaiando há mais ou menos três meses e João participa dos espetáculos há quatro anos.

“Quero agradecer ao professor Juliano por ser um excelente professor e por essa oportunidade que tenho de participar dos espetáculos. O professor é muito importante para mim e para todo o grupo artístico por que ensina muitas coisas. Também agradeço a profe Mara por que sem ela não teríamos as lindas coreografias que ela desenvolve e nos passa. Espero que esses espetáculos não terminem em nosso município porque aprendemos muitas coisas. Agradeço a toda a equipe do CRAS, ao prefeito Marcos e a primeira dama Andryze, finalizou João.